Competências e Talentos de um Gerente de Projetos

276
competências e talentos

Competências e talentos de um Gerente de Projetos – Habilidade de se comunicar, de relacionamento, de integração, de utilização das redes formais e informais, entre outras habilidades, permitem ao gerente de projetos solucionar os problemas e alcançar os objetivos definidos no projeto.

O PMI realizou alguns estudos sobre as habilidades necessárias a um bom gerente de projetos, esquematizou e divulgou na 6ª edição do PMBOK algumas dessas competências. E é isso que esse texto pretende explicar: as competências e habilidades que estão inclusas no Triângulo de talentos do PMI.

Ele concentra todas as habilidades e competências em três conjuntos: 

  • Gerenciamento de Projetos Técnico: são relativos a domínios específicos de gerenciamento de projetos, programas e portfólios. 
  • Liderança: são habilidades necessárias para orientar, motivar e dirigir uma equipe, para ajudar a organização a atingir suas metas de negócio. 
  • Gerenciamento estratégico e de negócios: são relativas à expertise no setor, de forma a melhorar o desempenho e os resultados do negócio. 

Segundo o PMI, “Para ter eficácia máxima, os gerentes de projetos precisam ter equilíbrio nestes três conjuntos de habilidades”. (PMBOK, 6ª edição, p. 57.)

Triângulo de talentos do PMI
O Triângulo de Talentos do PMI, p. 57, PMBOK, 6ª edição.

HABILIDADES DE GERENCIAMENTO DE PROJETOS TÉCNICO

As habilidades desse conjunto dizem respeito às competências necessárias ao gerenciamento de projetos propriamente dito. Ou seja, às características essenciais para gerenciar cada uma das áreas de conhecimento apresentadas pelo PMBOK. Algumas delas são:

  • Identificar e concentrar esforços nos elementos críticos do projeto.
  • Adaptar ferramentas, técnicas e metodologias para cada projeto e organização.
  • Planejar e estabelecer prioridades.
  • Gerenciar as áreas do projeto, como recursos, cronograma, custos e riscos.

Contudo, é necessário saber quais expertises você possui e onde buscar quem tenha as que você não tem, mas que são necessárias para alcançar os objetivos do projeto. Só assim será possível obter sucesso.

HABILIDADES DE GERENCIAMENTO ESTRATÉGICO E DE NEGÓCIOS

Essas são habilidades que envolvem expertise no produto, no setor e na organização de forma a alinhar as ações do projeto ao plano estratégico da empresa. Por exemplo:

  • Explicar os aspectos de negócio essenciais de um projeto, da organização (Estratégia, Missão, Metas e objetivos, Produtos e serviços, Operações  e o Mercado) e da inter-relação entre o projeto e a empresa (Riscos e problemas, Implicações financeiras, Análise de custos vs. benefícios, Valor de negócio, Expectativas e estratégias para a realização de benefícios e Escopo, orçamento, cronograma e qualidade.).
  • Trabalhar com o patrocinador, a equipe e opinião especializada para desenvolver uma estratégia apropriada para entregar o projeto (Estratégia, Missão, Metas e objetivos, Prioridade, Tática e Produtos ou serviços). 
  • Implementar a estratégia criada de modo a maximizar o valor de negócio do projeto.

Dessa forma, utilizando o conhecimento de negócios, será possível tomar as decisões apropriadas para o projeto e alinhadas ao plano estratégico da organização. 

HABILIDADES DE LIDERANÇA

As habilidades desse conjunto estão associadas ao relacionamento com a equipe do projeto. A liderança deve ser aplicada a todas as partes interessadas do projeto, como patrocinador e diretores da empresa. As habilidades incluem:

  • Ser um visionário;
  • Ser otimista e positivo;
  • Ser colaborativo;
  • Gerenciar relacionamentos e conflitos;
  • Realizar uma comunicação efetiva;
  • Manter uma conduta de respeito (ser cortês e amigável, gentil, honesto, confiável, leal e ético);
  • Demonstrar integridade e sensibilidade cultural, coragem, capacidade de solucionar problemas e tomar decisão;
  • Realizar o reconhecimento dos outros quando devido;
  • Ser um aprendiz por toda a vida, orientado aos resultados e à ação;
  • Ter foco nas coisas importantes (flexibilidade com as prioridades táticas e obter os dados importantes);
  • Ter uma visão holística e sistêmica do projeto;
  • Ser capaz de aplicar raciocínio crítico e identificar-se como agente de mudança.
  • Ser capaz de construir equipes eficientes, ser orientado a serviços, divertir-se e compartilhar o humor efetivamente com os membros da equipe.

A liderança é essencial para um projeto bem-sucedido, pois através dela é possível envolver todas as partes interessadas e alcançar as metas do projeto.

As habilidades, qualidades, características e competências listados auxiliam o gerente de projetos a alcançar as metas e os objetivos do projeto. Porém, elas não são exclusivas, é possível que alguns projetos ou organizações considerem outros talentos como necessários.

Quer saber mais sobre Gerenciamento de projetos? Não deixe de acompanhar nosso site e redes sociais, pois divulgaremos mais informações sobre o 14º Congresso de Gestão, Projetos e Liderança do PMI-MG.

Texto: Clarice Pales